Seu celular Android já pode substituir digitação de senhas em sites Google

 

 

 

Google começou a liberar uma funcionalidade que promete tornar o uso de seus serviços mais seguro e prático: um sistema de login que deixa as senhas de lado e permite autenticação via smartphones.

A empresa começou a liberar a funcionalidade para dispositivos móveis rodando o sistema operacional Android 7.0 ou superior. Por enquanto, a novidade só funciona em alguns aparelhos e só é compatível com o gerenciador de senhas do Google, que pode ser acessado aqui.

Ao entrar no banco que salva palavras-passe no navegador Chrome no celular, o usuário pode optar por fazer a autenticação sem inserir a senha da conta Google, mas através de métodos mais seguros, como utilizar o leitor de digitais do smartphone. Para isso acontecer, porém, o mesmo e-mail tem que estar em uso no navegador e no sistema operacional do dispositivo móvel.

 

 

 

 

 

Além do login via impressão digital, o sistema também permite autenticação por outros métodos presentes no smartphone, como a utilização de um PIN ou padrão de bloqueio de tela. O objetivo da empresa é garantir mais comodidade e segurança para os usuários, afinal, a novidade garante uma autenticação em duas etapas mais simples e eficaz.

Futuro sem senhas

De acordo com a Google, mais smartphones rodando o Android 7.0 e sistemas operacionais atuais receberão a novidade dentro de alguns dias. Além disso, futuramente a empresa pretende adicionar o sistema de login com celular em todos os seus serviços. A investida pode ser o ponto de partida para um mundo com cada vez menos senhas, que apesar de comuns, não trazem tanta segurança quanto a autenticação biométrica.

O novo login da Google utiliza os protocolos de segurança FIDO 2 e WebAuthn, que foram desenvolvidos de forma aberta para tornar o acesso na web mais seguro. Ou seja, com a gigante da tecnologia adotando a novidade, quem sabe mais companhias também se inspirem e comecem a trazer soluções similares ao mercado.

TecMundo

Os comentários estão fechados.