Paulo Magalhães diz que é preciso recuperar a credibilidade na política

 

O deputado federal Paulo Magalhães (PSD) afirma que é difícil fazer qualquer projeção a respeito do próximo governo sem que o presidente esteja definido. “Primeiro tenho que saber qual será o próximo presidente. Não adianta fazer conjectura política se o presidente não absorver as propostas que a gente levar. A minha história na política é muito fácil. Pautei minha vida em verdades e em programas para melhorar a qualidade de vida do povo. Por isso que me elegi sete vezes”, diz à Tribuna.

Para o parlamentar, o próximo presidente da República precisará recuperar a “credibilidade” da classe política assim que assumir o mandato pelos próximos quatro anos. “Os políticos precisam atacar isso. Credibilidade na classe, porque sem força e sem credibilidade o Congresso fica de cócoras aceitando tudo”, alfineta. Ele critica a proposta de Reforma da Previdência do presidente Michel Temer (MDB). “Nunca se roubou nesse país como se rouba agora”, critica. 

Magalhães é formado em Administração de Empresas, pela Escola de Administração de Empresas da Bahia de Salvador em 1975. Especializou-se em Administração Hospitalar pela Universidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos de 1973 a 1974. Ele também foi presidente do Esporte Clube Vitória, entre 1978 e 1979 e é deputado federal desde 1999.

Tribuna da Bahia

Os comentários estão fechados.