Nature Índex: Unesp é eleita 1ª instituição de pesquisa da América Latina

IMAGEM_NOTICIA_5educ
Foto: Divulgação / Unesp

 

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) foi escolhida como primeira instituição de pesquisa nas Américas do Sul e Central e a 81ª no mundo no Nature Index 2016 Rising Stars, ranking das “estrelas ascendentes” da pesquisa mundial da revista científica Nature. A publicação é considerada uma das principais da área. Segundo informações da Agência Fapesp, a lista se baseia no Nature Índex, que acompanha a produção científica em mais de 8 mil instituições. “Essas instituições e seus países têm melhorado suas performances frequentemente sem a longevidade, a reputação e os recursos de muitas instituições bem estabelecidas que lideram os rankings acadêmicos, como as universidades Harvard e de Cambrige”, afirmam os organizadores do prêmio. Na avaliação, é considerado o indicador WFC (do inglês, “weighted fractional count”, ou “contagem fracional ponderada”), referente a aumento significativo na contribuição das instituições para as revistas científicas importantes. No caso da Unesp, houve um crescimento de 109,87% no WFC entre 2012 e 2015. Em segundo lugar na América Latina, ficou o Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Técnicas (Conicet), da Argentina, com um aumento de 23,92%. A Universidade Nacional Autónoma do México foi listada em 3º, seguida pela Universidade de São Paulo (USP).

 

Bahia Notícias

 

Os comentários estão fechados.