Maia desistiu de derrubar Temer porque está na delação de Léo Pinheiro, diz site

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), teria desistido de articular para derrubar o presidente Michel Temer (PMDB) por um motivo muito pessoal.

De acordo com o site O Antagonista, Maia foi informado por fontes do Palácio do Planalto de que está sendo delatado pelo empreiteiro baiano e dono da OAS, Léo Pinheiro. Esse teria sido o motivo para o democrata não levar adiante a operação para assumir a Presidência da República com a possibilidade de Temer ser afastado na votação da denúncia já arquivada pela Câmara na última quarta-feira (2).

Maia, apesar de supostamente aparecer nos esquemas de propina da companhia como personagem secundário, se tornaria um de seus protagonistas como presidente da República.

 

 

 

Bocão News

Os comentários estão fechados.