Janaina Paschoal diz que se arrepende de ter apoiado Bolsonaro em 2018

 

 

A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL) disse em entrevista ao site Congresso em Foco que se arrepende de ter apoiado o presidente Jair Bolsonaro na eleição de 2018.

Grande nome da direita brasileira, Janaina o acusou de ter “murchado” a direita que desabrochou no país nos últimos anos. Para ela, Bolsonaro representa uma “direita grotesca” e “quase irracional”.

Ela ainda afirmou que tem planos de ser candidata novamente em 2022, mas desta vez a senadora. Em 2018, Janaina, autora do processo de impeachment contra Dilma Rousseff, teve mais que 2 milhões de votos para deputada estadual.

Ela não descartou também concorrer à Presidência, mas não será desta vez. “Eu seria uma excelente presidente.”

Varela Noticias

Deixar uma Resposta

Não serão autorizados comentários com palavras de teor ofensivo, como xingamentos, palavrões e sobretudo ofensas pessoais.