Bruno marca 1º gol após deixar a prisão e gera revolta de internautas

Dez anos depois de marcar pela última vez, o goleiro Bruno voltou a fazer um gol. Cumprindo sentença em regime semiaberto pelo homicídio de Eliza Samudio – mãe de seu filho – e cárcere privado, ele entrou em campo na noite desta quinta-feira (22), pelo Rio Branco, do Acre, em partida válida pela série D, do Campeonato Brasileiro, contra o Bragantino, do Pará. Este foi o primeiro gol de Bruno desde 2010, quando ele ainda defendia o Flamengo. Ao todo, o goleiro tem cinco gols na carreira.

Após postagem nas redes sociais do clube, internautas reagiram. “Que vergonha, meu Deus. Vocês se orgulham disso? Um cara que matou a mãe do próprio filho? Inacreditável”, escreveu uma internauta. “Em um país sério, com leis de verdade, esse cara estaria ou na corredor da morte ou nunca mais veria a luz do dia fora de 4 paredes, mas como é Brasil e isso aí, sai antes da pena e tem clube que comemora com ele um golzinho. Viva a hipocrisia brasileira”, postou outro. “Time imundo, lugar do Bruno é apodrecendo na cadeia”, escreveu outra.

 

 

 

 

Bocão News

Os comentários estão fechados.